Você está visualizando uma versão anterior do blog Eberick Next. Mantenha-se informado acessando o novo blog
Acesse http://ebericknext.altoqi.com.br
Página Inicial > Melhorias em recursos > Tratamento das indicações dos pilares na forma

Tratamento das indicações dos pilares na forma

Escrito em 26/07/2011, por Guilherme Augusto Alves Coelho

De forma análoga ao que foi feito para as indicações dos nomes das lajes e das vigas, no Release 1 deste projeto, esta versão contém uma opção na geração da planta de forma que, se ligada, verifica a sobreposição dos textos de indicação dos pilares (nome, seção, elevação) com os demais elementos do desenho. Com essa configuração ligada, o programa tentará diversas opções de posicionamento dos textos, procurando uma posição que não gere interferências.

Otimização para pilares: desligado.

Otimização para pilares: ligado.

Otimização pilares habilitada,  porém com afastamento desligado.

Otimização pilares e afastamento (3x) habilitados.

Categorias: Melhorias em recursos Tags:


0 ratings, 0 votes0 ratings, 0 votes Faça login para votar!
Loading...

  1. Roger Scapini Marques
    | #1

    Andre Portz :aproveitando o assunto de indicações na Planta, porém para Lajes (peço licença para fugir do tema Pilares), eu gostaria de uma posição do desenvolvimento :
    estou fazendo uma edição em Lajes e notei que o modo ‘opaco’ só funciona para a descrição do aço, mas não para o comprimento do segmento,ou seja, o fundo some para um mas continua para o outro (ambos no mesmo alinhamento). Há como se resolver isso ?

    Reforço a solicitação do Andre e aproveito para lembrar que esse “opaco” não é editável no AutoCAD, o que gera um grande problema de manchas brancas se as formas são movidas no AutoCAD.

    Já escrevi sobre esse assunto pelo menos 3 vezes. Cadê o feedback? Quero lembrar que uma das características de um blog são as respostas aos questionamentos.

  2. Moderador Blog Eberick
    | #2

    Bom dia @Andre Portz,
    O fundo opaco foi definido somente para as descrições das armaduras negativas, mas estamos anotando a sua sugestão.

  3. Moderador Blog Eberick
    | #3

    Bom dia @Roger Scapini Marques,
    Testamos a situação e verificamos o problema com o fundo da simbologia das lajes. Estamos anotando e vamos tratar a exportação para o Autocad assim que possível.

  4. Andre Portz
    | #4

    Moderador Blog Eberick :
    Bom dia @Roger Scapini Marques,
    Testamos a situação e verificamos o problema com o fundo da simbologia das lajes. Estamos anotando e vamos tratar a exportação para o Autocad assim que possível.

    Então, por favor, peço ao Moderador que reveja também esse problema :

    no meu detalhamento final (pranchas a serem entregues ao cliente) eu diferencio a Armadura Negativa de Lajes com linha tracejada (alterando a propriedade de cada uma no editor de ferros) e a Armadura Positiva permanece com linha contínua. O problema é que, o desenho, ao ser exportado para AutoCAD, tem sua propriedade da linha tracejada retransformada para propriedade de linha contínua. Isso toma tempo. São 2 cliques a mais para ‘cada um’ dos negativos, que, dependendo do contorno e dos resultados, não são poucos.

  5. Moderador Blog Eberick
    | #5

    Bom dia @Andre Portz,
    Essa situação pode estar relacionada com o tipo de linha adotado (tracejado ou pontilhado, por exemplo). Vamos fazer alguns testes e verificar a situação. Se possível, encaminhe um arquivo exemplo para o suporte@altoqi.com.br.

  6. Andre Portz
    | #6

    Moderador Blog Eberick :
    Bom dia @Andre Portz,
    Essa situação pode estar relacionada com o tipo de linha adotado (tracejado ou pontilhado, por exemplo). Vamos fazer alguns testes e verificar a situação. Se possível, encaminhe um arquivo exemplo para o suporte@altoqi.com.br.

    Arquivos PRC e DWG gerados para AutoCAD2002 e AutoCAD2010 enviados por email.

    Conforme detalhei no email, na verdade, a linha tracejada se retransforma em linha pontilhada. Quando criado um Layer com linha tracejada cheia, o arquivo DWG gravado para AutoCAD mantém a linha tracejada.

    Agradeço pelo retorno dado.

  7. André Luiz Silva Matos
    | #7

    Moderador, quero dar uma sugestão com relação ás configurações de entrada gráfica no eberick. Para exemplificar vamos tomar um pilar de 20×40 do térreo até o pavimento superior. A partir do pavimento superior ele tem 12×40. Ao configurar, na entrada gráfica, a hachura dos pilares que passam como sólida tem-se que o resultado é de que toda a seção de 20×40 é hachurada sendo que o pilar só continua com 12×40. Seria bom que a indicação mostrasse parte da seção morrendo e somente a parte de 12×40 continuando e portanto somente esta seção (12×40) com hachura sólida.

  8. Moderador Blog Eberick
    | #8

    Bom dia @André Luiz Silva Matos ,
    As hachuras no croqui têm um comportamento um pouco diferente das hachuras da forma. No croqui elas apenas irão indicar a continuidade dos pilares na seção do pavimento exibido. De todo modo, estamos anotando a sua solicitação. Neste momento o comando para representar a seção do pilar superior no croqui pode auxiliar (Configurações – Entrada gráfica – Pilares).

Página de comentários
  1. 18, outubro, 2011 em 13:43 | #1
Os comentários estão fechados.