Você está visualizando uma versão anterior do blog Eberick Next. Mantenha-se informado acessando o novo blog
Acesse http://ebericknext.altoqi.com.br
Página Inicial > Melhorias em recursos > Melhoria no detalhamento das esperas nas escadas

Melhoria no detalhamento das esperas nas escadas

Escrito em 19/12/2012, por André Ginklings Froés da Cruz

Melhorado o detalhamento das escadas, quando alguma das opções do grupo “Esperas” está ativado na configuração Detalhamento – Lajes – Escadas. Agora, sempre que possível, o programa agrupa a armadura da espera com a armadura da continuidade entre lance e patamar, gerando uma única barra no desenho.

Detalhamento da espera e continuidade para escada plissada antes da implementação

Após a implementação, as armaduras de espera e continuidada passam a ser agrupadas

Detalhamento de escada de fundo plano antes da implementação

Detalhamento após a implementação, agrupando as armaduras de espera e continuidade

Categorias: Melhorias em recursos Tags: ,


0 ratings, 0 votes0 ratings, 0 votes Faça login para votar!
Loading...

  1. Tadeu Wagner Fabrin
    | #1

    Melhorou bastante. O que me incomoda é ver o detalhamento das escadas plissadas.

  2. Solution Eng E Consultoria Ltda
    | #2

    O detalhamento de escadas plissadas não está bom, precisa melhorar, o trabalho de campo fica dificil!

  3. Solution Eng E Consultoria Ltda
    | #3

    Na escada normal também, dá menos trabalho em mais de um ferro.

  4. Solution Eng E Consultoria Ltda
    | #4

    Separamos o ferro do trecho inclinado da escada do ferro horizontal do patamar!

  5. Ivan Bueno
    | #5

    Já é uma melhora, mas é um consenso geral a insatisfação do detalhamento das escadas plissadas. Arrisco-me a dizer que TODOS nós esperamos por um detalhamento em estribos e que seja EXCLUSIVAMENTE em estribos.

    Claro que a habilitação ou não das opções de esperas influenciaria nisto, mas estte detalhamento em laços é algo INEXEQUÍVEL, a não ser num limite de 2 degraus… e olhe lá.

    Abraços.

  6. Ivan Bueno
    | #6

    Faço coro com o @Solution Eng E Consultoria Ltda sobre a questão das escadas plissadas e sobre a separação dos ferros do trecho inclinado e do patamar.

  7. Roger Scapini Marques
    | #7

    Amigos, não conheço ninguém que faça arranques dessa maneira. Praticamente SEMPRE são feitos com armaduras retas, quando muito com uma dobra de 90°.

    Percebo uma certa inocência em insistir no detalhe da altura equalizada de todos os espelhos. Estão simplesmente ignorando a existência do contrapiso. Atualmente preciso elevar a viga para poder simular o contrapiso, pois a escada não aceita valores diferentes para o primeiro e último degraus.

    Em relação à escada plissada/cascata/ortoquebrada, esse tipo de armadura em laço não rola na obra. Pra piorar, as escadas geralmente são concretadas depois, pois demora em torno de 1 mês para fazer a forma em compensado naval, escoramentos, armaduras e concretagem.

    Na minha humilde opinião, os degraus de arranque e de chegada podem ser engrossados para aumentar a rigidez do conjunto.

  8. Andre Portz
    | #8

    Roger Scapini Marques :
    Amigos, não conheço ninguém que faça arranques dessa maneira. Praticamente SEMPRE são feitos com armaduras retas, quando muito com uma dobra de 90°.
    Percebo uma certa inocência em insistir no detalhe da altura equalizada de todos os espelhos. Estão simplesmente ignorando a existência do contrapiso. Atualmente preciso elevar a viga para poder simular o contrapiso, pois a escada não aceita valores diferentes para o primeiro e último degraus.
    Em relação à escada plissada/cascata/ortoquebrada, esse tipo de armadura em laço não rola na obra. Pra piorar, as escadas geralmente são concretadas depois, pois demora em torno de 1 mês para fazer a forma em compensado naval, escoramentos, armaduras e concretagem.
    Na minha humilde opinião, os degraus de arranque e de chegada podem ser engrossados para aumentar a rigidez do conjunto.

    @Roger Scapini Marques, o certo seria que houvesse uma opção para a entrada do valor de espessura do contrapiso para o Eberick calcular a escada levando em conta isso.

    É uma Ótima melhoria, noto que a Equipe está muito empenhada, mas também concordo com as alegações dos colegas acima.

  9. Ivan Bueno
    | #9

    Gente, e os bugs do release R6 em relação às plantas de fôrmas e aos acréscimos de tramos de ferragens? O que a AltoQi tem a dizer?

  10. Moderador Blog Eberick
    | #10

    Boa tarde @Ivan Bueno,
    Estamos verificando a situação referente às formas, conforme e-mail encaminhado para o suporte. Quanto as ferragens, solicitamos que encaminhe para o suporte@altoqi.com.br maiores informações acerca do problema. Se possível nos envie um arquivo em que a situação ocorre.

  11. Renato C. Costa
    | #11

    Quando alguns dos coelgas realmente enviar tais deltalhes de armadura para a obra para os mesmos serem executados sem alteração, por favor compartilhem as fotografias conosco porque do jeito que está, a execução fica praticamente impossível ou muito dificil. Atualmente, se eu enviar um detalhamento deste para a obrar, vão mandar voltar por ser dificiilimo a execução do corte, dobrar, e posicionamento em forma.

  12. Tarcisio
    | #12

    A propósito pessoal, quanto estão usando na ‘Redução da rigidez axial’ para as escadas (Configurações > Análise > Painéis de Lajes)?

  13. Ivan Bueno
    | #13

    @Renato C. Costa, se eu mandar um detalhamento de escada plissada com ferragem longitudinal em laço, acho que apanho. (rs…)

  1. 6, fevereiro, 2013 em 13:31 | #1
Os comentários estão fechados.